Zircônia – imitação perfeita do diamante

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

zirconias-capa
A zircônia cúbica sintética é a imitação mais popular do diamante desde os anos 70. Diamantes não são raros, mas devido ao seu preço elevado, a Zircônia tornou-se uma perfeita substituta com incrível semelhança no quesito dureza e índice de refração. Pode-se dizer que é difícil diferenciar um diamante de uma zircônia sem a devida experiência e testes específicos. Geralmente gemólogos e joalheiros conseguem diferenciar a gema original da imitação observando seu interior: o diamante tem algumas imperfeições internas e pode ter uma coloração amarelada, características naturais e muito valorizadas, enquanto a zircônia é incolor e seu interior é impecável, ou seja, não possui nenhuma imperfeição, característica de uma imitação.

Avaliação

O baixo custo da Zircônia tem sido vital para seu sucesso e consolidação no mercado joalheiro. Além disso, ela é fabricada em uma variedade de cores incríveis (amarelo, laranja, vermelho, verde, azul, preto…) apesar da maioria não se aproximar das cores de um diamante verdadeiro. A venda de gemas sintéticas como a Zircônia é um negócio perfeitamente legal e respeitável entre as empresas e em nada prejudica o comércio das gemas naturais, desde que devidamente identificadas todas as gemas. Quem compra tem que saber se está comprando uma gema natural ou sintética. Há quem prefira uma jóia com gema sintética ao invés da natural, em razão de sua perfeição, assim como há quem dê mais valor às ranhuras, incrustrações e outras características que só a gema natural terá.

Conservação

Mesmo com sua dureza alta, a Zircônia exige cuidados quanto à superfície que pode arranhar se mal utilizada. Uma dica para trabalhar com gemas de Zircônia na montagem de jóias é encapar o bico do alicate ou outra ferramenta com esparadrapo para não danificar sua superfície. Use sempre um pano macio para puxar o brilho e retirar marcas de dedos e embaçados da gema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *